terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Como será a pequena?

Sonhei com a pequena nesta semana. Era o dia de nascimento dela. Uma menininha com muito cabelo, pretinho, rosto cheio e o nariz meio achatado. Aí encuquei com isso e ficava perguntando pra minha mãe `De quem ela puxou esse nariz?` Ela dizia `É assim mesmo, todo bebê nasce inchado`. Aí o sonho acabou.
É gostoso o exercício de imaginar como vai ser a pequena, de quem vai herdar os traços, que personalidade vai ter...Será que vai nascer cabeludinha como a mãe? Ou carequinha como o pai? Será que vai ter os olhos bem grandes ou amendoados? E será que transmitimos a ela genes recessivos, pra formar o 'aa' dos olhos bem azuis? Será que vai ser comprida e magrinha ou menor e mais gordinha? Será que vai mexer tanto aqui do lado de fora quanto dentro da barriga? Vai ser zen como o pai ou agitada como a mãe? Vai puxar o lado árabe, o português, o espanhol ouo indígena da família? Ou todos ao mesmo tempo? São muitas perguntas, muitas possibilidades. Certezas mesmo tenho poucas. Ela gosta muito de música, principalmente composições do maior artista lá de casa, ama tanto chocolate que chega a dar piruetas e já é uma criança muito amada e que mudou as nossas vidas.

2 comentários:

  1. Será, Nilcezinha? :) Tomara que ela não queira ser jornalista, né? Saudade docê!

    ResponderExcluir